Hospital corrige informação sobre a morte de Raiola: "Está a lutar pela vida"

Hospital corrige informação sobre a morte de Raiola: "Está a lutar pela vida"
Redação

A notícia dando conta do alegado falecimento de Mino Raiola surgiu em Itália e rapidamente se espalhou. Agente está, final, em estado crítico e ainda luta pela vida.

Ao início da tarde desta quinta-feira surgiu a informação, com origem em Itália, de que Mino Raiola, agente de célebres futebolistas como Paul Pogba (Manchester United), Erling Haaland (Dortmund) e Zlatan Ibrahimovic (Milan), morrera aos 54 anos, por doença.

A notícia rapidamente teve eco, mas foi negada pelo hospital San Raffaele, em Milão, onde Raiola se encontra internado. "Está a lutar, mas continua vivo. Estamos indignados pela forma como estão a especular", afirmou Alberto Zangrillo, chefe da unidade de anestesia e cuidados intensivos.

Raiola, de resto, voltou ao hospital, por enfrentar problemas de saúde. Em janeiro, o empresário foi hospitalizado e submetido a uma cirurgia delicada, tendo permanecido sob observação durante dias, por a condição física ser preocupante.

A natureza da doença que levou Raiola a uma intervenção hospitalar não foi conhecida, tal como não é sabida, em específico, a causa deste novo internamento, ao qual antecedeu um período de pouca atividade no agenciamento.

Raiola é conhecido, além do discurso controverso sobre figuras do desporto-rei, por tratar da carreira de alguns dos melhores jogadores do Mundo, consumar vários negócios avultados, como a ida de Pogba para o Manchester United, por 100 milhões de euros, e por, inclusive, cobrar comissões bem elevadas.

Além de Ibrahimovic, Pogba e Haaland, o guardião Gianluigi Donnarumma (PSG), o avançado Mario Balotelli (Adana Demirspor) e o defesa Matthijs de Ligt (Juventus) são outros dos jogadores que representa.

NOTÍCIA CORRIGIDA E ATUALIZADA ÀS 13H57