Sacko começa pré-época mais tarde e conta para Pepa, mas continua no mercado

Sacko começa pré-época mais tarde e conta para Pepa, mas continua no mercado

Lateral esteve cedido ao Saint-Étienne e tem clubes interessados, mas, para já, entra nos planos de Pepa. Não estará hoje, tal como Biai, Alfa Semedo, André Almeida e Ogawa. Os reforços Matheus Índio, Jota Silva e Anderson serão hoje as principais novidades do primeiro dia (à porta fechada...) da nova época do plantel liderado por Pepa, que arranca com os exames médicos.

Sacko é um dos seis jogadores que tem autorização para iniciar mais tarde a pré-época, que arranca hoje com a realização de exames médicos e as boas-vindas da equipa técnica liderada por Pepa.

O lateral-direito foi emprestado em janeiro ao Saint-Étienne - a cedência não contemplou opção de compra para o emblema francês, que pagou uma taxa de empréstimo de 300 mil euros - e está agora de regresso ao V. Guimarães, uma vez que o clube francês desceu à Ligue 2 e não mostrou interesse em contratar o jogador, que fez 11 jogos no campeonato francês, dois dos quais no play-off de permanência.

Sacko é um dos jogadores do Vitória que está no mercado - tem clubes interessados -, mas, para já, entra nos planos de Pepa, que, todavia, só começará a contar com ele contributo no final do mês, caso entretanto não seja transferido. Por ter estado ao serviço da seleção do Mali, o lateral-direito só começará a trabalhar dentro de uma semana, tal como Alfa Semedo (Guiné-Bissau), Celton Biai e André Almeida, que estiveram ao serviço da Seleção Nacional de sub-21, e Ogawa. O japonês é um dos reforços do Vitória e ainda está, aliás, em competição, tendo sido titular, anteontem, no jogo com o Shonan Bellmare, que a sua equipa perdeu por 2-0.

Além de Celton Biai, que na época passada esteve na equipa B, há mais cinco jogadores da formação que vão fazer a pré-temporada: o lateral-direito Alberto Costa, o central Tounkara, o lateral-esquerdo Afonso Freitas, o médio Gonçalo Nogueira e o avançado Jason Bahamboula.

O caso de Dani Silva é diferente, uma vez que o médio e capitão dos bês tem lugar garantido no plantel principal.