Sarri, Scolari e juras de amor: os fatores do possível regresso de David Luiz ao Benfica

Sarri, Scolari e juras de amor: os fatores do possível regresso de David Luiz ao Benfica

De acordo com a FOX Sports, o central brasileiro dá prioridade ao clube da Luz na hora de decidir o futuro.

David Luiz está de saída do Chelsea e definiu o Benfica como prioridade. O jogador já por várias vezes afirmara em entrevistas o propósito de terminar a carreira no emblema da Luz e terá chegado o momento de cumprir o objetivo. A notícia foi avançada na quinta-feira pela Fox Sports, do Brasil, ao dar conta do interesse do Palmeiras em contratá-lo.

O campeão brasileiro, treinado por Luiz Felipe Scolari, com quem David Luiz trabalhou na seleção do Brasil, terá feito já uma abordagem ao clube londrino e outra ao jogador, mas a mesma fonte garante não haver ainda negociações com qualquer das partes, por dois motivos: Maurizio Sarri, treinador do Chelsea não admite deixá-lo sair agora, no mercado de janeiro, e o jogador tem como prioridade regressar ao Benfica.

Aos 31 anos, David Luiz voltou a jogar com regularidade no Chelsea e já fez mais jogos nesta meia época de 2018/19 (25) do que em toda a temporada anterior (17), na qual chegou a trabalhar à parte do plantel após ter-se incompatibilizado com o técnico italiano Antonio Conte, que um ano antes o resgatara ao PSG.

David Luiz chegou ao Benfica em 2006 e manteve-se na Luz até 2011, quando o Chelsea pagou 25 milhões de euros por ele. Ficou em Stamford Bridge três épocas, foi dois anos para o Paris Saint-Germain e regressou para mais um triénio. Fazendo fé nas fontes da Fox Sports, está na hora de dar cumprimento às promessas e juras de amor.

As declarações de David Luiz que deixam antever a vontade de regressar ao Benfica:

- "O benfiquista é apaixonado. Quando vais entrevistar um benfiquista, ouves primeiro o Benfica, depois a mulher e a família!"

- "Quem não é benfiquista e tem oportunidade de ver o que é o Benfica, torna-se benfiquista. Eu fui um desses"

- "Amo o Benfica e penso terminar a carreira no Benfica. Lá aprendi a ser adepto como jogador"