Kheira Hamraoui pede respeito e advogado fala em "ataque violento" às pernas

Kheira Hamraoui pede respeito e advogado fala em "ataque violento" às pernas
Redação

Comunicado difundido pelo advogado da jogadora do PSG.

Kheira Hamraoui, jogadora do PSG que recentemente foi vítima de uma agressão, pediu esta terça-feira respeito pela vida privada, numa altura em que o caso parece ganhar a cada dia novos e surpreendentes contornos.

"[Kheira Hamraoui] pede que sua privacidade seja respeitada, bem como a sua escolha de permanecer em silêncio. Deposita toda a sua confiança nos investigadores, que devem conduzir as suas investigações com calma para que possa identificar os culpados o mais rapidamente possível", surge num comunicado difundido pelo advogado da internacional francesa, Said Harir.

Harir aludiu também à agressão sofrida no passado dia 4 de novembro e levada a cabo por dois homens, que traziam com eles uma barra de ferro. "Um ataque violento, no qual os agressores a atacaram de surpresa, atingindo-a com violência, principalmente nos membros inferiores, sugerindo um desejo indisfarçável de prejudicar a sua carreira profissional".

Eric Abidal, recorde-se, vai ser ouvido em tribunal. O jornal "Le Monde" revelou que o antigo internacional francês pode ter orquestrado a situação, devido a uma alegada vingança pessoal contra a jogadora, com a qual manteve uma relação amorosa entre 2018 e 2020.

Aminata Diallo, colega de equipa, chegou a estar detida, mas foi ilibada.