Equipa de Nigel Ellsay atualiza estado clínico após grave queda na Volta

Equipa de Nigel Ellsay atualiza estado clínico após grave queda na Volta

Canadiano acidentado à saída de Paredes não inspira cuidados, mas elemento da organização foi transportado para o Hospital de S. João.

O canadiano Nigel Ellsay, primeiro desistente da Volta a Portugal, após uma queda grave no início da segunda etapa, não inspira cuidados, tendo fraturado uma clavícula.

A informação foi prestada pela sua equipa, a norte-americana Rally Cycling, depois de receber informações do Hospital Padre Américo, em Penafiel, para onde o corredor de 26 anos foi transportado, tendo ficado internado para fazer mais exames.

Ellsay chocou com um elemento da organização que exibia bandeiras amarelas para assinalar uma zona perigosa, pouco depois da partida de Paredes, sendo este aquele que inspira maiores cuidados, tendo a equipa médica da Volta a Portugal optado pelo transporte para o Hospital de S. João, no Porto.

A segunda etapa, entre Paredes e a Senhora da Graça, foi ganha por Amaro Antunes (W52-FC Porto), que vestiu a camisola amarela.