Defesa do Braga à prova na Europa depois do desaire no Dragão

Defesa do Braga à prova na Europa depois do desaire no Dragão

Minhotos são a única equipa que ainda não sofreu qualquer golo na Liga Europa. Depois de ter somado quatro no Dragão, tentarão reconquistar a consistência frente ao Union St. Gilloise.

A visita do Union St. Gilloise, de quinta-feira, será uma espécie de prova dos nove à impermeabilidade do Braga na Liga Europa. Nenhuma outra equipa em prova tem a baliza a zero ao cabo de duas rondas, mas o momento é delicado para os minhotos, batidos pelo FC Porto na última jornada do campeonato por 4-1, no Estádio do Dragão.

Só no arranque da época, diante do Sporting, é que a formação comandada por Artur Jorge havia consentido três golos (3-3), tendo depois arrancado para uma sequência notável de oito vitórias, com o Rio Ave a ter sido o único adversário que vendeu muito cara uma derrota caseira, por 2-3.

A baliza do Braga passou incólume pelos outros sete jogos, incluindo a visita ao Malmo e a receção ao Union Berlin, com a particularidade de que Artur Jorge teve de avançar para o primeiro compromisso europeu, realizado na Suécia, privado, de uma assentada, de Tormena, por castigo, e de Niakaté, devido a lesão, que vinham sendo a habitual dupla de centrais.

Paulo Oliveira e Bruno Rodrigues compensaram bem as ausências forçadas dos companheiros e não foram soluções efémeras, porque Niakaté demorou semanas a recuperar de um forte traumatismo, retomando a competição somente na visita ao Estádio do Dragão, na última jornada. Aí, sim, foi possível voltar a ver Tormena ao lado do defesa francês e, ainda que os resultado final tenha ficado muito aquém das expectativas, tudo aponta para que a estrutura defensiva preferida do treinador, com Fabiano na direita e Sequeira sobre a esquerda, seja repetida na receção ao Union St. Gilloise.

A equipa belga tem pela frente o desafio de marcar pela primeira vez um golo ao Braga na atual edição da Liga Europa e chegará à Pedreira de pontaria afinada, depois de ter batido o OH Leuven, do português João Gamboa e do espanhol Mario González (emprestado pelos arsenalistas), por 0-3 (fora de casa), na última jornada da Jupiler Pro League. Em 14 jogos oficiais disputados esta temporada, leva 23 golos marcados e 19 sofridos.

Matheus expulso pela primeira vez na Europa

A folha de serviço de Matheus, em representação do Braga, foi manchada no Estádio do Dragão, pela primeira vez, por uma expulsão na liga. O guarda-redes viu cartão vermelho direto, após ter derrubado Taremi fora da área, o que já não acontecia desde 2013, quando ainda representava o Náutico, então a disputar a Série B do futebol brasileiro. Defenderá ainda a baliza com o Union St. Gilloise, entregando-a Tiago Sá com o Chaves.