Jesualdo após derrota no Santos: "Demissão? Façam o que quiserem"

Jesualdo após derrota no Santos: "Demissão? Façam o que quiserem"

O Santos perdeu 3-1 com a Ponte Preta e foi eliminado do Campeonato Paulista, deixando os adeptos insatisfeitos com a equipa e com Jesualdo Ferreira. O treinador não teme uma eventual demissão.

O Santos está a passar por uma fase complicada e na passada madrugada foi eliminado nos quartos de final do Campeonato Paulista depois de perder 3-1 com a Ponte Preta. OS adeptos não estão satisfeitos com o rendimento do clube e a continuidade de Jesualdo Ferreira no comando técnico foi questionada após a partida.

O treinador português diz que não teme a demissão e que a direção tem de fazer o que for melhor para o Peixe: "Não temo. A direção está à vontade para fazer o melhor para o Santos. Nem sequer me preocupa. Honestamente, façam o que quiserem".

"O Santos tem várias competições pela frente, tem três, e tem muitos jogos para fazer. Há muito tempo para poder recuperar e eu não admito que alguém desista, porque eu não desisto", referiu o treinador em conferência de imprensa, explicando que o problema da equipa está no psicológico.

"Para mim, é claramente uma questão mental, de instabilidade emocional, que está a prejudicar-nos e temos que contrariar isso rapidamente", comentou.