Quantos milhões perde a UEFA com a rescisão do contrato com a Gazprom?

Quantos milhões perde a UEFA com a rescisão do contrato com a Gazprom?
Redação

A Gazprom era uma das principais parceiras do organismo que tutela o futebol europeu

Momentos depois de anunciar, num comunicado conjunto com a FIFA, a suspensão imediata dos clubes e das seleções da Rússia das provas internacionais, a UEFA comunicou ainda a o ponto final no acordo de patrocínio que mantinha com a Gazprom, a maior empresa enérgica da Rússia.

Na prática, a UEFA colocou um ponto final num acordo de patrocínio que renderia o montante de 78 milhões de euros nos próximos dois anos.

Desta forma, o logótipo da empresa, que estava comercialmente ligada à UEFA desde 2012, já não será exibido nos jogos da segunda mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, agendados para 8, 9, 15 e 16 de março.

Recordar que já hoje, a UEFA e a FIFA, num comunicado conjunto, anunciaram que a seleção da Rússia e todos os clubes daquele país estão suspensos das competições internacionais, sanção que abrange o setor masculino, feminino e os escalões de formação.