Depois do clube, o castigo da Liga italiana: setor do estádio fechado por um jogo

Depois do clube, o castigo da Liga italiana: setor do estádio fechado por um jogo

Em comunicado, a comissão de disciplina explica que os insultos racistas a Balotelli "foram claramente audíveis, não só pelo jogador, mas também pelo delegado mais próximo".

A comissão de disciplina da Liga italiana decidiu esta terça-feira encerrar por um jogo um setor do estádio do Verona, do qual partiram no domingo insultos racistas contra Mario Balotelli, avançado do Brescia.

O local em questão situa-se no setor Poltrona Este do estádio Bentegodi, em Verona, e pode acolher cerca de três mil e 500 adeptos, num recinto que tem lotação para cerca de 30 000 espetadores.

Em comunicado, a comissão de disciplina explica que os insultos racistas "foram claramente audíveis, não só pelo jogador, mas também pelo delegado mais próximo".

No domingo, Balotelli chegou mesmo a ameaçar abandonar o jogo da 11.ª jornada do campeonato italiano, mas permaneceu em campo e marcou o único golo do Brescia, que perdeu por 2-1.