Sporting explica como vai compensar adeptos que não podem assistir aos jogos

Sporting explica como vai compensar adeptos que não podem assistir aos jogos
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Leões comunicaram método de compensação a quem não pode ir ao José Alvalade ver os cinco jogos em falta da época. O "momento difícil" é lembrado, podendo os adeptos abdicarem da compensação em prol do clube.

O Sporting anunciou, em comunicado no seu sítio oficial da Internet, a forma como vai compensar os sócios e parceiros que estão impossibilitados de assistir aos cinco jogos no Estádio José Alvalade até ao final da presente temporada, apresentando um conjunto de soluções que vão desde a devolução imediata do valor em voucher até à doação em prol do clube, face ao "momento crítico" suscitado pela pandemia covid-19.

Assim o Sporting esclarece que "os detentores de Gamebox activa poderão optar pela devolução imediata do valor em voucher válido até 30 de junho de 2021, que poderá ser utilizado na aquisição de produtos oficiais" do clube ou na "aquisição de bilhetes para jogos futuros". "Os Sócios que pretenderem seguir esta opção deverão solicitar o seu voucher de 1 de junho de 2020 a 30 de setembro de 2020", acrescentam os leões. Os dirigentes leoninos também possibilitam "o reembolso do valor na proporção dos jogos não usufruídos". "Os detentores de Gamebox activa que optarem por esta via deverão solicitar o reembolso entre o dia 1 de agosto de 2020 e o dia 30 de setembro de 2020", referem.

Porém, o Sporting termina o anúncio de medidas com a terceira via, esta lembrando o momento adverso que o clube enfrenta, tal como muitos emblemas nacionais. "Aos sócios que não pretendam reaver o valor proporcional nos termos dos parágrafos anteriores, o clube agradece antecipadamente o apoio num momento crítico em que o esforço, dedicação e devoção coletivos serão fundamentais na superação desta situação adversa que atingiu profundamente o mundo - para tal, bastará a não reclamação das alternativas referidas nos parágrafos anteriores. A colaboração de todos será mais um marco histórico nos quase 114 anos de história de associativismo que todos os dias nos orgulha de termos nascido e crescido sob o signo do leão", pode ler-se no documento, sublinhando que para o segmento Corporate foram iniciados contactos com os parceiros de modo a "disponibilizar alternativas de compensação" dos mesmos.