Joelson já tem acordo para poder ir a jogo: novo salário e nova cláusula a caminho

Joelson já tem acordo para poder ir a jogo: novo salário e nova cláusula a caminho
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Avançado do Sporting já tem entendimento para renovar contrato.

Sporting e Joelson já chegaram a uma plataforma de entendimento para a renovação do contrato do extremo de 17 anos até 2025.

As partes mantiveram conversações profícuas no início da presente semana, concretamente na segunda-feira, e a principal diferença em torno do valor da cláusula de rescisão terá mesmo sido ultrapassada, esperando-se que nos próximos dias possa ser oficializada a continuidade de Joelson no clube com um contrato melhorado para valores na ordem dos 120 mil euros por ano, assim como uma cláusula de rescisão bem superior aos 45 milhões de euros que figuram atualmente no contrato de trabalho.

Frederico Varandas, presidente do Sporting, como O JOGO oportunamente deu conta, demonstrou a vontade de blindar Joelson com uma cláusula de rescisão de 100 milhões de euros - quando a vontade dos representantes do atleta ficava pelos 80 milhões de euros -, isto na procura de salvaguardar-se quanto ao assédio de que o atleta tem sido alvo por parte de emblemas estrangeiros, como o Arsenal ou Leipzig, mas também reconhecendo o elevado potencial do jogador.

Aliás, em Alvalade, a posição sempre foi clara: só depois do acerto da renovação do contrato é que Joelson pode escancarar as portas da equipa principal e somar os seus primeiros minutos nessa condição. Diga-se que esta posição dos dirigentes leoninos acaba por nem ser uma novidade, como se verificou no caso de Eduardo Quaresma, Nuno Mendes e Tiago Tomás, sendo que os dois primeiros têm vindo a atuar com regularidade e o avançado poderá ter os primeiros minutos de competição em breve.

Assim, Frederico Varandas está prestes a encerrar mais um dossier em torno da renovação dos jogadores mais jovens que têm feito a sua formação na Academia, estando igualmente a preparar, ainda que tudo esteja verbalmente conversado, a renovação do guardião Luís Maximiano, que foi sub-capitão no duelo com o Belenenses, na derradeira jornada da Liga. O dirigente máximo dos leões salvaguarda-se perante as movimentações de mercado em torno dos seus elementos mais jovens, estando igualmente debaixo de olho modificações no contrato de Jovane.