Lucas Silva não vai encerrar a carreira

Lucas Silva não vai encerrar a carreira

Médio admitiu que a transferência para o Sporting foi travada por uma alteração no ritmo cardíaco detetada durante os exames médicos, mas revelou que testes posteriores despistaram qualquer anomalia no coração

Através das redes sociais, Lucas Silva admitiu que a transferência para o Sporting foi travada por uma alteração no ritmo cardíaco detetada durante os exames médicos, mas descartou a existência de um problema mais grave que o poderia forçar a abandonar os relvados precocemente.

Eis o comunicado do médio brasileiro:

"Na sexta-feira, ao realizar exames médicos para assinar com o Sporting Clube de Portugal, um grandíssimo clube e com um excecional treinador, fiz um teste de esforço, no qual foi detetada uma alteração do ritmo cardíaco. Em seguida, e até ao dia de hoje, fiz diversos exames que não constataram qualquer anormalidade no meu coração. Aparentemente foi uma alteração única e sem causa específica. Por segurança decidimos que seria melhor não me transferir no momento. Obviamente, o Real Madrid deve querer repetir os exames, mas estou muito seguro, tendo em vista a normalidade absoluta dos exames adicionais. Diante de notícias inverídicas veiculadas por alguns meios de comunicação decidi comunicar, de forma oficial e categórica, que não me irei aposentar. Obrigado pelo apoio."