Inter já comunicou preço de João Mário ao Sporting

Inter já comunicou preço de João Mário ao Sporting
Rui Miguel Gomes

Tópicos

Os dois clubes já abordaram eventual saída em definitivo de João Mário no final da presente época.

O Sporting já sabe quanto é que o Inter de Milão pretende para negociar a título definitivo a saída de João Mário no próximo defeso.

Segundo O JOGO apurou, depois de contactos entre as partes, os responsáveis do emblema de Milão fizeram saber que pretendem 10 milhões de euros para transferir o internacional português, que termina contrato com os "nerazzurri" em junho de 2022.

Como oportunamente o nosso jornal deu conta, o presidente Frederico Varandas, em concordância com os restantes elementos da estrutura do futebol profissional, em concreto o treinador Rúben Amorim, já decidiram que manter João Mário no elenco da próxima temporada é um objetivo a alcançar, mesmo sabendo das inúmeras dificuldades financeiras que a operação implica. Mas os leões estão cientes e confiantes que podem contornar as mesmas, até porque têm do seu lado a vontade do jogador, que vê a permanência no clube com bons olhos, ainda que a componente financeira tenha de ser ultrapassada, nomeadamente no que ao vencimento do atleta diz respeito.

Se os 10 milhões de euros pedidos pelo Inter de Milão não assustam à primeira vista, até porque podem ser admitidos em Alvalade desde que os mesmos sejam parcelados no tempo, o vencimento do atual camisola 17 vai muito além do que é o teto salarial definido pela SAD verde e branca. É que João Mário representa em termos de ordenado, atualmente, 2,7 milhões de euros livres de impostos, sendo que os leões suportam apenas um milhão de euros desse montante, o qual está muito próximo, independentemente de outros prémios de desempenho existentes no âmbito da política salarial do clube, do limite que é pago aos atletas mais cotados do plantel.