Toni Martínez sobre Sérgio Conceição: "Prefiro tê-lo comigo do que como rival"

Toni Martínez sobre Sérgio Conceição: "Prefiro tê-lo comigo do que como rival"

Avançado espanhol, um dos obreiros do 30.º título de campeão do FC Porto, assumiu, citado pela "Marca", ter atingido um desiderato ao lograr a conquista nacional e traçou elogios à capacidade técnica, motivacional e gestora do treinador portista, por manter "todos os jogadores a bordo e ninguém em suspenso"

30.º título: "Objetivo alcançado, sonho tornado realidade. O meu objetivo era assinar por um grande clube, e assim foi. Não foi fácil, mas tive a sorte de o Porto ter reparado em mim. Quando se vai para uma grande equipa é para ganhar títulos. A vitória na Luz, contra o Benfica, foi uma sensação incrível. Ser campeão da liga, junto dos companheiros, com adeptos... É para isso que vivemos: para os títulos."

Sérgio Conceição: "Prefiro tê-lo na minha equipa do que como rival. A sua experiência futebolística, como jogador, ajuda-o a ler situações, ele é muito inteligente. Sabe o que tem e sabe utilizá-lo ainda melhor (...) Ele faz uma boa gestão de balneário e do tempo de jogo, algo que é muito importante num ano tão longo. Todos estão a bordo, ninguém está em suspenso. Ele dá oportunidades e aqueles que as esperam têm de corresponder."

Participação na Liga dos Campeões: "Enfrentámos o Milan, o Liverpool, o Atlético de Madrid... Em todos os jogos ou se morria ou se morria. Todos sabem que estes clubes que têm mais dinheiro do que o FC Porto. Temos lutado com tudo."