"Taremi? Não falo inglês, ele não fala português... Mas entendemo-nos bem com a bola"

"Taremi? Não falo inglês, ele não fala português... Mas entendemo-nos bem com a bola"

Evanilson, avançado do FC Porto, deu uma entrevista à BetanoMag. Falou da adaptação ao FC Porto, da evolução no último ano, das diferenças para o Brasil, do entendimento com Taremi, entre outros temas.

Quando soube do interesse do FC Porto: "Fiquei muito feliz. Disse ao meu empresário para virmos logo. Um clube como o FC Porto, que joga a Liga dos Campeões... nem pensei duas vezes. Graças a Deus correu tudo bem."

Adaptação ao FC Porto: "Foi difícil. Os treinos têm bastante intensidade, muito diferente do Brasil. Mas aos poucos fui-me habituando."

Jogadores que deixaram um marco na história do FC Porto: "O Hulk. É uma história muito bonita. Comecei a acompanhar o FC Porto por causa dele."

Sérgio Conceição: "É um treinador que me ajudou muito nesta dinâmica do futebol europeu. Ajudou-me a pôr mais intensidade nos jogos. Estou muito feliz e agradeço muito o trabalho com ele."

Passagem pela equipa B: "Eu procurava treinar bastante, mesmo tendo poucos minutos. Sempre que fosse preciso jogar pela equipa B, eu estava disposto. Fico feliz por ter ajudado."

Evolução desde a época passada: "Apareceu a oportunidade de ter mais tempo de jogo e de mostrar o meu trabalho. Está a correr bem."

Entendimento com Taremi: "É só apontando [risos]. Eu não falo inglês, ele não fala bem português. Mas entendemo-nos bem com a bola."