Exclusivo São 40 M€ e a pronto: FC Porto não aceita pagamentos faseados por Vitinha

São 40 M€ e a pronto: FC Porto não aceita pagamentos faseados por Vitinha

SAD tem a promessa de que o PSG vai pagar o valor da cláusula de rescisão. Não há, nem haverá, necessidade de conversas entre os clubes. Vitinha sai quando for depositado o valor, o que deve acontecer nos próximos dias. Jorge Mendes também recebe, mas não por intermediação.

A SAD do FC Porto aguarda com tranquilidade que sejam depositados na sua conta os 40 milhões de euros da cláusula de rescisão de Vitinha. Nem um euro a menos. Só por esse valor é que médio internacional português deixará o Dragão neste defeso e nem sequer há espaço para conversas.

Aliás, entre os dois clubes, sabe O JOGO, não há negociações - nem precisa de haver - visto que não há prazos de pagamento ou percentagens para acertar. São 40 milhões de euros a pronto que os franceses têm de pagar para levar o jogador e foi essa garantia - de que se estão a preparar para o fazer - que deram a Jorge Mendes, o empresário que gere a carreira do jogador, e que este transmitiu no Dragão. A expectativa dos responsáveis azuis e brancos é que isso aconteça até ao final do mês de forma a que possa entrar no balanço contabilístico de 21/22.