Zé Manuel pode estar de saída do FC Porto

Zé Manuel pode estar de saída do FC Porto
André Morais

Tópicos

Zé Manuel foi contratado neste verão, mas não deve ficar. Marega, Ángel e García também com vida difícil

Víctor García, José Ángel, Marega e Zé Manuel não treinaram, ontem de manhã, e devem abandonar o FC Porto nos próximos tempos, seja a título definitivo, seja, na maior parte dos casos, por empréstimo a outros clubes. Uma e outra situação até podem não estar relacionadas - o clube informou que o quarteto fez trabalho específico de ginásio -, mas não deixa de ser uma grande coincidência, quando todos vão sendo apontados como jogadores que Nuno deve riscar da composição final do plantel.

No caso de Zé Manuel, arrisca-se a deixar o FC Porto sem alguma vez ter vestido a camisola de jogo oficial. O jogador foi resgatado ao Boavista a custo zero, apresentou-se a 28 de junho e até marcou ao Valadares, no primeiro treino de conjunto a pré-temporada. Apesar disso, Nuno Espírito Santo tem outros extremos à disposição (Brahimi, Corona, Varela e Hernâni), outros dois jogadores (Otávio e Quintero) que podem fazer a posição e pode receber mais um reforço para a posição, o que dificulta a tarefa do antigo axadrezado.

Quanto aos outros jogadores, não haverá surpresas de maior, embora se expectasse que Víctor García pudesse, à terceira, ter uma oportunidade na equipa principal. Marega foi ultrapassado pela concorrência e José Ángel, com Alex Telles, Layún e Rafa, não tem outra solução que não a de sair para jogar.

O FC Porto informou apenas que os quatro ficaram no ginásio, mas não revelou qualquer tipo de lesão ou fadiga muscular que justifique as ausências, o que reforça a possibilidade de saída. De qualquer forma, até sexta estas e outras situações vão ser clarificadas, pois Nuno Espírito Santo quer levar para Kamen um grupo já bastante parecido com aquele que vai atacar a competição. Faltarão Danilo (de férias) e dois ou três jogadores a contratar.