Benfica segurou Embaló até 2023

Sérgio André

Tópicos

Assinou até 2019, mas o vínculo profissional tem cláusula de renovação automática quando o atleta fizer 18 anos

Falhada a transferência para o Leipzig em janeiro, numa operação que iria render 20 milhões de euros aos cofres do Benfica, Úmaro Embaló regressou ao Seixal e à equipa de juniores, seguro por um contrato que o liga ao emblema encarnado até 2023, segundo apurou O JOGO. Tendo assinado recentemente, pouco antes da conclusão das negociações entre Benfica e Leipzig, um contrato profissional até ao final da próxima temporada, o avançado tem estipulada uma cláusula de renovação automática até 2023 assim que completar os 18 anos, o que sucederá a 5 de maio de 2019. Ou seja, logo depois de atingir a maioridade Embaló verá o seu vínculo renovado por mais quatro épocas.

Atualmente ao serviço da Seleção Nacional de sub-17, que disputa o Torneio do Algarve - o atacante marcou ontem na goleada por 4-0 à Inglaterra (ver pág. 27) -, o futebolista de apenas 16 anos continua, sabe o nosso jornal, a ser alvo preferencial do Leipzig. Apesar de ter acusado o empresário do jogador de ter apresentado exigências financeiras de última hora, quando Embaló já estava mesmo na Alemanha e à procura de casa, que terão feito cair o negócio no último dia do mercado (algo que o representante, Catió Baldé, declarou não corresponder à verdade), o conjunto germânico deixou a porta aberta para nova investida no verão. O interesse do emblema financiado pela Red Bull, conhecido pela sua aposta forte na contratação de jovens talentos, mantém-se, razão pela qual Embaló promete animar o mercado novamente no final da temporada. Isto porque, ao que O JOGO apurou, clubes como Barcelona, Real Madrid ou Manchester United, que chegaram também a fazer ofertas pelo jovem avançado, continuam na corrida e estão dispostos a avançar novamente, desta feita subindo a parada.