Benfica já tem acordo com o Real Madrid, mas Mariano não foi informado

Benfica já tem acordo com o Real Madrid, mas Mariano não foi informado
Vítor Rodrigues

Tópicos

David Aranda recusa falar das pretensões financeiras do dianteiro pretendido pelas águias, diz ainda que o Benfica até é um clube atrativo, mas não percebe "como se faz um negócio nas costas" do jogador

A contratação de Mariano Díaz, a par de Darwin Núñez, do Almería, é uma das operações de mercado lançadas pelo Benfica para dar maior poder de fogo à equipa de Jorge Jesus e, segundo O JOGO apurou, já é real um acordo com o... Real Madrid.

O clube detentor do passe do dianteiro dominicano aceitou os termos propostos pelo Benfica para um empréstimo com opção de compra a ser exercida no final da época e por um valor que deverá ser inferior a 20 milhões de euros. Porém, há aqui um obstáculo importante e que resulta do facto de o jogador não ter sido informado do entendimento.

Como noticiámos ontem, Mariano Díaz quer passar a ganhar cerca de cinco milhões de euros líquidos por temporada (entre salário e prémios por objetivos), acima dos quatro que ganha em Madrid, para aceitar analisar uma possível saída do plantel merengue. Rejeitando falar de milhões, o empresário do jogador que apenas somou 86 minutos em toda a época passada destacou a sua surpresa por se falar de um acordo para a cedência.

A O JOGO, David Aranda foi bem claro a afirmar que "não há nada em relação à saída do Mariano". "Acordo? Ainda ninguém do Benfica falou com o jogador e comigo. Se quiserem avançar com uma negociação, tem de haver conversas e isso não ocorreu. Se há um acordo entre os clubes, acho muito estranho porque não é assim que se convence um jogador a ir para outro clube", atirou o empresário, reafirmando a sua surpresa por não perceber "como é que se faz um negócio nas costas de quem se quer contratar".

Aranda não coloca uma pedra no assunto e até destaca que "o Benfica é um clube atrativo porque luta por títulos e tem o hábito de jogar a Liga dos Campeões", mas mantém que "a última palavra será do Mariano Díaz".

Quer isto dizer que o processo acertado entre Benfica e Real Madrid pelo empresário Jorge Mendes ainda não é líquido que passe ao papel, apesar da forte probabilidade resultante do acordo entre os dois emblemas, algo que deverá ficar definido em breve, de modo a que a SAD possa depois tomar o pulso ao dossiê Darwin Núñez, por quem poderá ter de pagar cerca de 25 milhões de euros ao Almería.