Benfica discute contratação de Gerson e Bruno Henrique: os milhões em cima da mesa

Benfica discute contratação de Gerson e Bruno Henrique: os milhões em cima da mesa
Marco Gonçalves

Tópicos

Líder máximo das águias, que tem dialogado com Marcos Braz, vice-presidente do Flamengo para o futebol, pretende fazer o pagamento de forma faseada, algo que não agrada no Brasil

Luís Filipe Vieira está a discutir com o Flamengo a contratação da dupla Gerson-Bruno Henrique.

Os dois jogadores foram indicados por Jorge Jesus, que, naturalmente, os conhece bem fruto de ter comandado o emblema carioca durante o último ano, e o presidente do Benfica acredita que, apesar de o processo ser complexo, pode fechar o negócio, segundo apurou O JOGO, por um valor a rondar os 40 milhões de euros, pretendendo pagar essa verba de forma faseada. Algo, porém, que não agrada nesta altura ao Mengão, até porque são dois jogadores importantes na equipa.

O dirigente máximo das águias tem dialogado diretamente com Marcos Braz, vice-presidente do Flamengo para o futebol, tendo em vista a contratação dos dois futebolistas, que podem preencher duas posições que Jorge Jesus pretende ver reforçadas, nomeadamente o posto de "8", ou seja, um médio box-to-box, capaz de cumprir com eficácia as missões defensivas e de ajudar também no processo criativo, e ainda um lugar no ataque.

Marcos Braz chegou a afirmar a um jornalista brasileiro que não pretende vender qualquer jogador ao Benfica - antes preferindo fazê-lo ao FC Porto -, tendo também avisado as águias para se apresentarem de malas cheias caso desejem fazer negócio, mas o clube da Luz não desiste de fazer viajar Gerson e Bruno Henrique para Portugal, sabendo que terá também de fazer um elevado investimento em termos salariais para os dois atletas.

A par do processo está também Jorge Jesus, que confia também no sucesso da operação, desejando contar com Gerson e Bruno Henrique nos planos para 2020/21, época na qual vai procurar recuperar o título de campeão, perdido este ano para o FC Porto, e lutar ainda nas eliminatórias por uma presença na Liga dos Campeões.