Premium Era preciso assumir o risco

Um texto de opinião de Sérgio André.

O Benfica vive um dos piores períodos da era Vitória, com três derrotas consecutivas que o fazem resvalar para o quinto lugar. A situação ganha uma dimensão maior se pensarmos que estes resultados surgem numa época em que o FC Porto, campeão nacional, teve um arranque tímido e coleciona azares pelo meio, como a lesão prolongada de Aboubakar, e o Sporting tenta reerguer-se de uma crise diretiva e desportiva sem paralelo, com a perda de jogadores nucleares como Rui Patrício ou William Carvalho.

Ambos estão à frente do Benfica.