Premium Troll de Carnide

É muito provável que o mundo estivesse melhor sem redes sociais mas, como não é possível parar o vento com as mãos, temos de viver em rede.

É muito provável que o mundo estivesse melhor sem redes sociais mas, como não é possível parar o vento com as mãos, temos de viver em rede. Agora, dava jeito que cada um de nós, pelo menos cada um de nós, portistas, se desse ao trabalho de perceber minimamente o que é verdadeiro e o que é falso. É que nem tudo o que vem às redes é peixe. Há muitos trolls*, seguramente alguns com IP (Internet Protocol) localizado em Carnide, à procura de desestabilizar a nação portista. Tem sido penoso ver como muitos portistas alimentam conflitos entre adeptos a propósito de tudo e a troco de nada.

O gabinete de crise, montado numa das bermas da Segunda Circular, não brinca em serviço. Aproveitou o facto de alguns adeptos não verem qualidade no jogador Zé Luís para jogar no FC Porto (estão no seu direito de o pensar e dizer) para rapidamente montar uma "fake", dando conta do desentendimento entre o presidente Pinto da Costa e o treinador Sérgio Conceição. Mesmo com um desmentido dos dois, a CMTV manteve a notícia. A trollada não acabou, nem vai acabar. Ontem estávamos a ser acusados de ter tentado impedir que o Atlético de Madrid comprasse João Félix. A palhaçada não tem limites.