Exclusivo A arte de Pedro: os "espaços indefensáveis"

A arte de Pedro: os "espaços indefensáveis"

PLANETA DO FUTEBOL - Uma análise de Luís Freitas Lobo

1 - No futebol, por princípio, não existem ações, existem interações. O jogo pode ter, muitas vezes, a exaltação individual, mas sempre que esta acontece tem, na génese, uma moldura coletiva que a envolve e proporciona. A famosa eficácia (após a dinâmica) depende de muitos fatores, conhecidos (a estrutura que define ação/interação) ou inesperados (a incerteza da finalização).

Penso nisso, madrugada dentro, vendo a exibição de ponta-de-lança completo Pedro no ataque do Flamengo, imparável no relvado queimado do Vélez Sarsfield. Três golos de "killer instinct" com subtileza técnica, entrando nos tempos e espaços certos na hostil área argentina.