Exclusivo  Talvez por isso, Ronaldo tenha dado um nó na cabeça

Talvez por isso, Ronaldo tenha dado um nó na cabeça
Luís Freitas Lobo

Tópicos

Tudo isto na mesma semana em que um dos melhores jogadores (e em forma) do nosso campeonato, quase sempre convocado mas jogando depois pouco, decidiu que não, não queria mais a Seleção, aos 29 anos

1- Há qualquer coisa na atmosfera que provoca alucinações. A Seleção é (historicamente) o nível máximo de consagração dum jogador. Foi nesse espaço que, cada qual no seu país, as maiores lendas subiram à eternidade. A partir do futebol a cores, Pelé, Maradona, Cruyff... e também Zidane, Ronaldo "fenómeno"... até que a história passou a necessitar de impactos mais permanentes.