Exclusivo O estranho mundo do dr. Bruno Lage

O estranho mundo do dr. Bruno Lage
José Manuel Ribeiro

Tópicos

Seis dos titulares do Benfica na finalíssima da Liga dos Campeões estavam, há um ano e meio, na II Liga e no campeonato de sub-17. Deve ser recorde mundial

O treinador do Benfica diz uma coisa na conferência de Imprensa e desmente tudo no onze. Quem escolheu a primeira equipa para o jogo de ontem com o Lyon não quer "uma Champions à dimensão do clube", ou então tem uma ideia controversa, e nada benfiquista, sobre essa dimensão.

Bruno Lage pode querer muitas coisas e eu consigo imaginar algumas. Pode ter a ilusão de que, sacrificando estes jogos, está a preparar uma nova geração para a glória internacional a médio/longo prazo. Pode, e tenho de admitir a hipótese, estar em sintonia com a administração para enfiar os miúdos da formação pelos olhos do mercado dentro, e isso contradiz uma série de coisas. Em alternativa, talvez acredite mesmo numa espécie de república democrática do balneário do Benfica e se veja como o Nélson Mandela das convocatórias.