Exclusivo Teoria da evolução aplicada ao VAR

Teoria da evolução aplicada ao VAR
Jorge Maia

Tópicos

Reconhecer que há problemas de credibilidade que resultam da análise microscópica de cada lance e reduzir a margem para polémicas estéreis protege os árbitros e o espetáculo

Não foi preciso esperar muito: à segunda jornada, as polémicas com a arbitragem voltaram à ordem do dia na Liga Bwin, com o VAR inevitavelmente metido ao barulho.

Entretanto, na Premier League, o uso do videoárbitro foi revisto no arranque desta temporada com o objetivo de evitar a análise microscópica e a respetiva penalização de lances triviais. Seguindo o exemplo da Holanda, linhas mais grossas são usadas para avaliar situações de fora de jogo e, em caso de sobreposição, o benefício volta a ser dado ao atacante, considerando-se o lance legal.