Premium Estranhas prioridades no futebol português

Estranhas prioridades no futebol português
Joel Neto

Tópicos

FORA DA CAIXA - A crónica de Joel Neto

Já aqui deixei escrito o que me pareceu terem sido os méritos e os deméritos do primeiro mandato de Pedro Proença na presidência da Liga. Esperava que muitos discordassem de mim e, inclusive, não me surpreenderia que a maior parte o fizesse. Agora, reelegê-lo quase unanimemente?

O futebol português está em guerra, com muitas culpas por parte dos clubes, e o tom do conflito continua a acentuar-se. A diferença entre grandes e pequenos é cada vez maior e, por outro lado, a diferença entre os nossos grandes e os grandes dos outros também. As contas andam desastrosas, de Norte a Sul, e não só se anunciam falências, como se sucedem os colapsos que as vão catalisar. Como pode isto levar a um aplauso unânime?