Premium Banhos de bola : o plano A e o plano B

Banhos de bola : o plano A e o plano B

O regresso de Ronaldo ao lote de disponíveis da Seleção será sempre uma boa notícia, pois devolve à equipa de Fernando Santos a total amplitude do seu plano A. Com o capitão, a Seleção ganha liderança, explosão, rasgo e um peso adicional sobre a psique dos adversários.

Sem ele, perde parte disso, mas, por outro lado, ganha em imprevisibilidade. Tanto nos mostrou o extraordinário jogo com a Croácia: uma equipa que troca a bola como talvez nenhuma outra o faça neste momento (falo de seleções nacionais) e que se espalha em campo de um modo talvez menos vertical, mas mais em bloco, permitindo-lhe desdobrar-se de novas maneiras e encontrar antídotos para novos desafios.