Novais ao mercado?!?

1 - É uma das figuras do campeonato e espanta-me que ainda ninguém o tenha ido buscar a Vila do Conde!

João Novais tem tudo o que um grande jogador precisa de ter. Evoluído tecnicamente, o médio do Rio Ave não se limita a desequilibrar do ponto de vista ofensivo. João Novais também ajuda a defender. É um médio completo e fortíssimo nas bolas paradas. É jogador de equipa grande. Vejo-o, por exemplo, a pegar de estaca no Benfica, no lugar que era de Krovinovic. Mas o filho do antigo jogador do Salgueiros, Abílio Novais, podia também caber nos plantéis do Porto ou do Sporting.

Quem contratar este jogador do Rio Ave não se vai enganar. Como não se enganou quem apostou em Oblak, Ederson, Krovinovic, Fábio Coentrão ou Rúben Ribeiro. Os jogadores que o clube de Vila do Conde transfere começam a ter marca registada.

Proponho até o slogan: "A chave é comprar ao Rio Ave!"

Não acredito que João Novais fique muito tempo em Vila do Conde.

Sublinho, admira-me é que ainda ninguém o tenha ido pescar!...

E há outro com marca registada: Marcelo. Mas o defesa-central já tem contrato com o Sporting para a próxima temporada.

2 - A minha música da semana vai para João Novais, por tudo aquilo que escrevi no ponto 1 desta crónica.

Uma adaptação do tema "Espetáculo", de Sérgio Godinho.

Fica assim para o craque do Rio Ave:

Olha, o João no Futebol...

É o Novais... Cabeça ao sol...

A avançar pé ante pé...

Para uma bola que está...

À espera de um pontapé...

À espera de um penálti...

Que ele vai transformar p"ra ti...

Livre... Atirou para ganhar...

Já rematou...

E o golo que ele fez ficará preso na rede...

A libertar-nos da sede...

3 - Escrevo esta crónica sem saber o resultado da final da Taça da Liga, mas tenho uma certeza: as duas equipas que jogaram melhor nas meias-finais foram eliminadas.

A Oliveirense foi muito superior ao Vitória de Setúbal e o FC Porto foi melhor do que o Sporting.

O caso da Oliveirense, então, é a prova de que o futebol muitas vezes é um jogo injusto e até cruel. A equipa orientada por Pedro Miguel merecia ter ganho por números gordos e perdeu por 2-0!!! O futebol também é isto. Nem sempre o resultado espelha aquilo que se passa em campo. Ficam aqui, no entanto, os meus parabéns aos jogadores da Oliveirense e ao treinador, Pedro Miguel.

Só uma nota: não entendo como uma equipa que joga desta forma está tão mal classificada na segunda liga.

Na outra meia-final, já o disse, o Porto foi superior ao Sporting. A segunda parte foi quase toda da equipa de Sérgio Conceição.

Devo dizer também que esperava mais deste clássico. O jogo teve mais de 50 faltas assinaladas, e isso torna a partida quase insuportável!... Foi o quarto clássico da época e registou-se o quarto empate, o terceiro sem golos!

Ou seja, em 360 minutos de futebol marcaram-se apenas dois golos!

4 - Vou falar de um jogador que gosto imenso de ver jogar: Fábio Coentrão.

Na minha óptica, foi o melhor em campo no clássico da última quarta-feira.

Mas, Fábio Coentrão, tem de saber comportar-se de outra forma. Não pode falar daquela forma para o árbitro e para os adversários!... Como é das Caxinas, o jogador do Sporting devia saber que "pela boca morre o peixe!"

Fábio Coentrão é um craque e atitudes destas só o prejudicam.

Concordo aqui com o director de comunicação do FC Porto, Francisco J. Marques, quando este defende que Fábio Coentrão não devia ter jogado a meia-final da Taça da Liga.

O que fez em Setúbal foi muito grave e devia ter sido expulso.

Isso não aconteceu, e frente ao Porto o "Caxineiro" foi só o melhor jogador em campo.

Mas "há mais marés do que marinheiros!"

Coentrão também tem obrigação de saber isto.