"Dégueulasse"

Tive dificuldade em acompanhar dois encontros emocionantes ao mesmo tempo, mas vi o Bélgica-Tunísia enquanto seguia o relato da AG do Sporting, no Facebook de Bruno de Carvalho

Ontem tive dificuldade em acompanhar dois encontros emocionantes ao mesmo tempo. Bem sei que os jogos do Mundial são todos desfasados mas vi o Bélgica-Tunísia enquanto seguia o relato da AG do Sporting, no Facebook de Bruno de Carvalho. E o relato continuou durante o México-Coreia e o Alemanha-Suécia... e não é garantido que termine antes do Inglaterra-Panamá. A Bélgica continua a deslumbrar, ignorando a lei de 2016, que define que para ganhar grandes competições é obrigatório jogar mal. Equipas como França e Espanha já estão a seguir as normas (a Argentina exagerou) e Portugal só não joga mais porque sabe que não pode, optando por um estilo tosco. Se repararem, o CR7 até tem evitado marcar com nota artística. Cesc Fàbregas veio dizer que Ronaldo tem jogado bem mas os seus golos têm surgido de lances de bola parada ou erros da defesa. Cesc devia saber que é arriscado usar a conjunção "mas" porque, tal como no anúncio da Galp, pode ser confrontado pelo Avillez, o Salvador Sobral e o Patrício, soltando o mesmo "mas?" incrédulo que nos sai quando vemos o preço do gasóleo. E é precisamente combustível que Fàbregas dá à seleção com estas palavras. Ou já se esqueceram do jornalista francês que acusou Portugal de ser nojento? Alguém sabe como se diz "dégueulasse" em russo?