Premium Perdeu-se tempo e competitividade com a "abstenção" do futebol profissional

Perdeu-se tempo e competitividade com a "abstenção" do futebol profissional

Num campeonato onde não há tempo, todos ralham e poucos têm razão. Isto depois de um fim de semana em que o futebol parou para não afetar a afluência às urnas. Mas a abstenção subiu...

Quando, em fevereiro de 2019, o secretário de Estado do Desporto anunciou um acordo com a Federação e a Liga, para que a final da Taça de Portugal fosse antecipada um dia e que não houvesse campeonatos profissionais no fim de semana das Legislativas (o último, à data de hoje), tenho a certeza absoluta que essa informação chegou aos emblemas da I Liga.