Opinião

PremiumAntónio Barroso

"Convém saber onde vai dormir Luís Filipe Vieira"

Quando, não há muitas semanas, Luís Filipe Vieira acordou com vontade de nada mudar, inspirado - contou o próprio - pelo ambiente de balneário nas instalações do centro de estágio do Benfica, no Seixal, de certeza que não contava com os autogolos de Rúben Dias e Jardel. Nem com a incapacidade latente da equipa em convencer os adversários de que a crise passaria com a tenacidade da sua opção, ao estilo contra tudo e contra todos.

PremiumAntónio Barroso

As possíveis equações de Vieira sobre o "sai… já não sais"

À hora que começo a teclar esta nota (16h33 de 29 de novembro de 2018), a permanência de Rui Vitória é dada como certa. Umas horas antes, aí pela fresquinha, a maior parte dos órgãos de comunicação social dava a sua saída como certa. Sendo que essa maioria - O JOGO incluído - sustenta-se em fontes credíveis. As mesmas que, horas mais tarde, avisaram para a possibilidade do dito pelo não-dito. Tal, convenhamos, não implica inverdades espaçadas no tempo. Tal implica, com certeza, a gestão de uma série de equações que podem implicar milhões de euros.