Taremi e restantes jogadores iranianos tapam emblema durante o hino

Taremi e restantes jogadores iranianos tapam emblema durante o hino

Os jogadores da seleção do Irão cobriram esta terça-feira o emblema do país, antes do jogo de preparação com o Senegal (1-1), cantando o hino com kispos pretos vestidos, em protesto com a ação policial e em homenagem a Mahsa Amini, mulher alegadamente assassinada por ter utilizado indevidamente o véu islâmico (hijab). Ora veja.

De salientar que os iranianos estão em protesto há mais de uma semana, desafiando o poder judicial, que já advertiu para uma "ação decisiva sem clemência" contra alegados instigadores dos tumultos.