Pazes feitas: Schmidt esteve à conversa com o árbitro que o expulsou em 2016

Pazes feitas: Schmidt esteve à conversa com o árbitro que o expulsou em 2016

Roger Schmidt este esta terça-feira à conversa com Felix Zwayer, árbitro com quem teve um desentendimento quando orientava o Bayer Leverkusen e que vai dirigir o primeiro jogo com o Dínamo de Kiev.

Felix Zwayer foi o árbitro designado pela UEFA para dirigir a partida de quarta-feira, às 20h00, entre o Dínamo Kiev e o Benfica, da primeira mão do play-off de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões.

O árbitro alemão, de resto, tem um episódio de má memória com Roger Schmidt, quando este orientava o Bayer Leverkusen. A 21 de fevereiro de 2016, o atual técnico das águias recebeu ordem de expulsão do referido juiz, numa partida frente ao Borussia Dortmund, e recusou-se a abandonar o campo, levando mesmo a que as equipas recolhessem aos balneários durante algum tempo.

A história teve início num golo de Aubameyang (então avançado do Dortmund), o único do encontro (1-0). Foi marcado um livre alguns metros à frente do local da falta, o lance resultou em golo e Roger Schmidt protestou com o árbitro. Na sequência, o juiz expulsou o técnico alemão que, irritado com a situação, se recusou a deixar o terreno de jogo, e o duelo esteve interrompido durante cerca de dez minutos. As três equipas recolheram mesmo ao balneário, até que Schmidt aceitou sair do relvado e a partida lá prosseguiu.

Antes da sessão de trabalho desta erça-feira, Roger Schmidt trocou algumas impressões com o árbitro, num clima tranquilo, sinal de que a zanga está ultrapassada.