Jogos Paralímpicos: atleta georgiano detido por agressão a segurança

Jogos Paralímpicos: atleta georgiano detido por agressão a segurança
Redação com Lusa

Tópicos

A agressão ocorreu depois de o segurança ter chamado à atenção vários atletas georgianos, devido ao barulho que estavam a fazer no hotel onde estavam a fazer a quarentena obrigatória

Um atleta paralímpico georgiano foi detido no Japão, suspeito de ter ferido com gravidade um segurança de um hotel, informou esta segunda-feira a polícia de Tóquio, onde em 24 de agosto começa os Jogos Paralímpicos.

O georgiano, de 34 anos, está acusado de ter fraturado uma costela de um segurança de um hotel, ao saltar sobre ele e ao atirá-lo ao chão, num incidente ocorrido na quinta-feira.

Os órgãos de comunicação local noticiaram que se trata de um judoca georgiano, que vai participar nos Jogos Paralímpicos Tóquio2020, cuja cerimónia de abertura está marcada para 24 de agosto.

A agressão ocorreu depois de o segurança ter chamado à atenção vários atletas georgianos, devido ao barulho que estavam a fazer no hotel onde estavam a fazer a quarentena obrigatória.