Bandeira de Taiwan não aparece e torna-se num caso em Tóquio'2020

Bandeira de Taiwan não aparece e torna-se num caso em Tóquio'2020
Redação

Tópicos

A medalha de prata do judoca Yang Yung Wei está na origem que tomou conta das redes sociais

O judoca Yang Yung Wei subiu ao pódio no torneio de judo de Tóquio'2020 graças ao segundo lugar na prova masculina de -60 quilos. Até aqui nada de extraordinário.

O problema, aliás, nem sequer envolve Yang Yung Wei, mas sim a oganização dos Jogos Olímpicos e o tweet com o resultado na prova. Na publicação feita no Twitter, o nome dos medalhados surge acompanha da bandeira do país. No caso de Wei, a bandeira de Taiwan.

Ora, neste caso, a bandeira não aparece, o que gerou uma onda de críticas à organização. E a polémica promete continuar.

O halterofilista de Taiwan, Kuo Hsing-chun, ganhou o ouro, esta terça-feira, mas quando subiu ao pódio para receber a medalha não havia bandeira nacional e nem hino nacional.

Taiwan nem sequer se pode chamar a si própria "Taiwan" nos Jogos. Em vez disso, deve usar o título "Taipé Chinês", a forma encontrada para um assunto sensível e que envolve a China, país que não reconhece a existência de Taiwan como nação independente.