Final de Halle: espectadora tenta amarrar-se à rede e treinador de Medvedev abandona

Final de Halle: espectadora tenta amarrar-se à rede e treinador de Medvedev abandona
Redação

Tópicos

Em poucos minutos, a final do ATP 500 disputado na relva teve dois acontecimentos pouco habituais, com a tentativa de um protesto e o abandono do treinador do tenista russo, visivelmente incomodado com o pupilo

A final do ATP 500 de Halle, entre Daniil Medvedev e Hubert Hurkacz, ficou marcada por dois incidentes nada habituais: a tentativa de um protesto por parte de uma espectadora e a saída do treinador do russo, visivelmente incomodado com os comentários do pupilo.

Primeiro, uma espectadora tentou amarrar-se à rede para protestar, não se sabe com o quê e porquê, num episódio que já tinha acontecido na última edição de Roland Garros. Devido à ação ainda que não muito rápida dos seguranças, a adepta foi retirada do court.

Pouco depois, no início do segundo set, Gilles Cervara, treinador de Medvedev, número um mundial, cansou-se das queixas do pupilo e abandonou, também, a sua posição no court. Depois de perder o primeiro parcial por 1-6, o russo continuou, sucessivamente, a queixar-se na direção da sua equipa.

O tenista polaco acabou por conquistar o torneio de Halle, na Alemanha, ao derrotar o russo num encontro que durou apenas 63 minutos.