Federer vai deixar de fazer parte do top-10 já a partir do dia 18 de outubro

Federer vai deixar de fazer parte do top-10 já a partir do dia 18 de outubro
Redação

Tópicos

1736 dias depois, suíço vai deixar de ser um dos dez mais pontuados do planeta

Lenda do ténis mundial, Roger Federer já sabe que vai deixar de ser um dos 10 jogadores com melhor ranking mundial a partir da próxima semana. A vitória de Hubert Hurkacz, carrasco do antigo campeão de Grand Slam em Wimbledon, durante esta última madrugada vai atirar o suíço para ainda mais longe da elite.

Federer já sabia que, caso o polaco batesse Tiafoe, havia saída garantida e anunciada do top 10. Ora, Hurkacz, uma das grandes sensações da temporada, derrotou o norte-americano por 2-0, com parciais de 6-3 e 6-2.

Curiosamente, no último período em que esteve fora dos 10 melhores, no 17º posto, no caso, Federer regressou para surpreender e vencer o Open da Austrália, nas primeiras semanas de 2017. Desta vez, o regresso aos courts ainda não se sabe quando acontecerá.