Joana Diogo testa positivo à covid-19 e é baixa no GP de Zagreb

Joana Diogo testa positivo à covid-19 e é baixa no GP de Zagreb
Redação com Lusa

A judoca, que compete em -52 kg, foi medalha de bronze este ano no Grande Prémio de Portugal e quinta classificada no Grand Slam de Ulan-Bator, competição que marcou em junho o arranque da qualificação para os Jogos Olímpico Paris'2024

A judoca portuguesa Joana Diogo é baixa de última hora para o Grande Prémio de Zagreb, depois de ter um teste positivo ao novo coronavírus, no habitual despiste que é feito aos atletas antes de seguirem viagem.

"A Joana teve um teste positivo [ao coronavírus], mas está bem", disse à agência Lusa o presidente da Federação Portuguesa de Judo, Jorge Fernandes.

A judoca, que compete em -52 kg, foi medalha de bronze este ano no Grande Prémio de Portugal e quinta classificada no Grand Slam de Ulan-Bator, competição que marcou em junho o arranque da qualificação para os Jogos Olímpico Paris'2024.

O Grande Prémio de Zagreb seria a segunda competição de Joana Diogo já a pontuar para Paris, depois de a judoca de Coimbra não ter competido, por opção, em Budapeste, onde Catarina Costa (48 kg) esteve ausente, também infetada com o novo coronavírus.

Na capital croata, Portugal contará com cinco judocas, com Catarina Costa, Rodrigo Lopes e Francisco Mendes (-60 kg) a entrarem em ação na sexta-feira, enquanto João Fernando (-81 kg) compete no sábado, e o bicampeão mundial Jorge Fonseca (-100 kg) no domingo.