"Já eramos o único clube português com um penta no futebol e no ciclismo"

"Já eramos o único clube português com um penta no futebol e no ciclismo"
Redação

Pinto da Costa esteve esta segunda-feira no Museu do FC Porto na cerimónia de entrega do troféu de campeão nacional de bilhar às três tabelas

Um dia depois do FC Porto garantir o pentacampeonato de bilhar às três tabelas, o troféu chegou ao Museu FC Porto. Numa cerimónia que contou com a presença os atletas e representantes da secção portista, Pinto da Costa enalteceu a conquista: "Tenho, por todos vós, uma grande admiração, um grande respeito, um enorme carinho, e queria-vos dizer numa palavra só, resumindo o que vocês têm feito pelo FC Porto: obrigado", afirmou o líder dos dragões.

Alípio Jorge Fernandes prometeu "um FC Porto mais forte, mais líder e mais capaz" nas mesas de Portugal e da Europa. Para o responsável pela secção, "vencer, vencer e vencer" é o lema do clube em todas as modalidades e o bilhar não é exceção: "O FC Porto já tem três gerações apetrechadas para poder discutir com qualquer adversário nacional e internacional. Foi um trabalho árduo, que resultou em pleno com o estabelecimento de patamares de exigência nas três camadas de praticantes. O futuro está assegurado". Já Daniel Sanchéz sublinhou o "bom trabalho" que tem vindo a ser feito desde as camadas jovens, em particular pela Dragon Force: "É bom para o FC Porto, que tem uma equipa de futuro, mas também para o bilhar português em geral. Somos um exemplo em Portugal e na Europa".

"Foi um pentacampeonato de uma modalidade que ainda não tinha sido pentacampeã. Já eramos o único clube português que tinha um penta no futebol e tínhamos o penta no ciclismo, por termos vencido cinco Voltas a Portugal seguidas. Agora, o bilhar venceu o 26.º título nacional, o que é notável, mas conseguiu o penta. Ficam todos ligados à história do FC Porto, mas têm agora mais um feito para acrescentarem ao vosso currículo. Vocês foram os autores de mais um pentacampeonato do FC Porto. É uma modalidade exemplar, que o sr. Alípio Jorge dirige há muitos anos, desde que eu sou presidente, e tem sabido escolher como atletas não só os melhores do mundo, mas sobretudo aqueles que são as melhores pessoas do mundo e um exemplo de caráter, amor à causa e de dedicação ao FC Porto", disse ainda Pinto da Costa.

Por seu turno, Alípio Jorge Fernandes, responsável pela secção, afirmou: "Cabe aqui, nas razões do êxito, um agradecimento indiscutível à nossa gente, liderado pela Manuela Pinto, que é incansável e consegue ultrapassar todas as dificuldades que nos vão colocando neste edifício que é a organização e a prestação desportiva do FC Porto. À Nação Porto, que nos apoia permanentemente. É uma emoção saber que eles estão sempre connosco. E sempre, mas sempre, ao nosso presidente, que não esconde os seus sentimentos atrás das palavras e devota à nossa secção um exemplo que fortifica e que aplicamos a cada momento, quando jogamos, quando construímos e organizamos. É um exemplo de presidente".