Europeus de Remo: Afonso e Dinis Costa em mera etapa rumo a Paris'2024

Europeus de Remo: Afonso e Dinis Costa em mera etapa rumo a Paris'2024
Redação com Lusa

No ciclo anterior, os sete double-scull ligeiro que apuraram eram europeus, pelo que atingir a final agora em Munique seria um "bom prognóstico" para o "sonho" olímpico, que será estreia para Dinis e uma repetição para Afonso, que competiu em Tóquio'2020

Os irmãos Afonso e Dinis Costa têm o foco bem definido nos Jogos Olímpicos Paris2024, pelo que os europeus de remo, integrados nos campeonatos de Munique, na Alemanha, são uma etapa para o apuramento, nos mundiais de 2023.

"De mim e do Afonso podem esperar sempre o nosso máximo. Não fazemos prognósticos para estes europeus, uma vez que são apenas um passo rumo ao objetivo final, que é o mundial'2023", disse Dinis Costa, à Lusa.

O campeonato do Mundo deste ano, em setembro, na República Checa, será o primeiro teste de fogo ao trabalho que a dupla tem realizado sob a égide do britânico John West, que coordena o trabalho técnico - está uma semana por mês em Portugal e acompanha as provas internacionais - e definiu a estratégia que o técnico nacional José Velhinho coloca diariamente em prática.

"Sem dúvida que ele veio trazer uma mentalidade vencedora que há muito o remo português precisava. Sermos capazes de acreditar em medalhas olímpicas, em resultados de topo", elogiou Afonso.

No ciclo anterior, os sete double-scull ligeiro que apuraram eram europeus, pelo que atingir a final agora em Munique seria um "bom prognóstico" para o "sonho" olímpico, que será estreia para Dinis e uma repetição para Afonso, que competiu em Tóquio'2020 com o experiente Pedro Fraga, com quem conseguiu um 13.º lugar.

"As principais diferenças é que agora somos uma equipa mais jovem, com uma margem de progressão um pouco maior. E principalmente sermos irmãos, partilharmos um passado e presente comum. Termos valores idênticos e sonharmos com objetivos futuros que é Paris'2024", elogiou Afonso.

O remador olímpico destacou a "garra, valores e objetivos comuns" da dupla, assumindo que, por vezes, o grau familiar pode ser também o ponto menos bom, "em caso de alguma briga ou fricção no barco".

"O segredo é o balanço entre a relação de irmão e colega no barco, algo que precisamos atenuar", resumiu.

Dinis prefere destacar a "maior cumplicidade e sinceridade" entre ambos, embora reconheça que são "mais crus" um com o outro, algo que não é necessariamente negativo.

"O panorama geral é bastante positivo para nós. Ao contrário de muitos irmãos, que se guerreiam muito, nós somos bastante amigos. Temos um passado que nos uniu mais e estamos prontos", vincou.

Afonso e Dinis iniciam a competição na quinta-feira, com a disputa das primeiras eliminatórias, numa competição que decorrerá até domingo, 14 de agosto.

Programa do double-scull ligeiro (LMx2), horas portuguesas:

11 agosto (quinta-feira):

11:35 - Série 1.

12 agosto (sexta-feira):

08:48 - repescagens.

13 agosto (sábado):

08:45 - meias-finais.

14 agosto (domingo):

08:30 - final C.

09:10 - final B.

11:22 - final A.