COI pede desculpa por "tweet" com imagens dos Jogos de Berlim'1936

COI pede desculpa por "tweet" com imagens dos Jogos de Berlim'1936
Redação com Lusa

Imagem gerou indignação nas redes sociais.

O Comité Olímpico Internacional (COI) pediu esta sexta-feira desculpa por ter publicado um vídeo no Twitter sobre os Jogos de Berlim'1936, na Alemanha nazi, tendo apagado o conteúdo um dia depois da publicação.

Através da mesma rede social, o COI pediu desculpa "a todos os que se sentiram ofendidos", após o vídeo ter surgido acompanhado da hashtag #StrongerTogether ("Juntos somos mais fortes", em tradução livre).

O vídeo assinalava a primeira vez que a tocha olímpica foi passada de mão em mão até ao caldeirão, algo evocado nas imagens filmadas por Leni Riefenstahl, uma das cineastas ao serviço da propaganda nazi, ao lado do atleta negro Jesse Owens, tetracampeão olímpico.

A indignação nas redes sociais incluiu um "tweet" do Museu Memorial de Auschwitz-Birkenau, que lembrou a forma como o regime de Adolf Hitler usou os Jogos para mascarar "o caráter racista e militarista" e "enganar espetadores estrangeiros".

O vídeo foi apagado e o COI lembrou que o conteúdo, publicado ao lado de 29 outros filmes curtos a evocar cada edição, tinham como objetivo "passar uma mensagem de união e solidariedade".