Canoagem: Fernando Pimenta treina e dá aulas na Colômbia

Canoagem: Fernando Pimenta treina e dá aulas na Colômbia

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Augusto Ferro

Hélio Lucas deu uma palestra a treinadores e o campeão mundial e medalhado olímpico falou com jovens. Os colombianos receberam a dupla com distinção e até ofereceram colegas de treino

Fernando Pimenta e o técnico Hélio Lucas estão em Guatapé, uma das maiores barragens da Colômbia, a 1900 metros de altitude, onde continuam a sua preparação para os Jogos Olímpicos. Trata-se de uma alteração ao roteiro habitual do canoísta português, que nos anos recentes fez estas ações no México e acabou por acrescentar mais um período em altitude. O treinador explica a opção: "Tinha programado um estágio no México, mas entretanto recebemos um convite da Federação Colombiana e, depois de ver todas as necessidades para o treino cumpridas, decidimos vir conhecer." José Sousa, que já foi selecionador nacional, é o atual responsável técnico da equipa colombiana, o que dava garantias.

E tanto o atleta como o treinador estão satisfeitos. Nas redes sociais, Pimenta confessou: "Vamos lá aproveitar este lago supercomprido para fazer uns belos treinos longos. Paisagens fantásticas ajudam a passar os quilómetros." Hélio Lucas concorda com essa ideia. "Criaram todas as condições necessárias: tanto logísticas como desportivas. Até puseram um K2 da equipa nacional para acompanhar o Fernando na sua preparação", explicou o técnico a O JOGO.

O estágio naquele país tem servido para retribuir o que têm recebido. Pimenta conversou, numa espécie de aula, com dezenas de jovens atletas e alguns pais. Foram duas horas em que, diz o olímpico do Benfica, "falei sobre a minha carreira, sobre algumas experiências, os meus hábitos e os valores que defendo".

A ação também teve momentos na água e uma palestra do técnico nacional. Hélio explica: "Realizei uma formação para os treinadores. O Fernando Pimenta deu uma para os atletas e alinhou numa prova do campeonato da Colômbia, em K1 cadetes 5000 metros. Queremos contribuir para o desenvolvimento da modalidade."

Depois de Guatapé, a dupla lusa vai continuar a preparar-se num ponto mais alto. Fernando Pimenta irá subir mais 600 metros. "O que se segue depende do balanço deste estágio. Vamos estar aqui, em Guatapé, cerca de 10 dias, a 1900 metros. Depois serão duas semanas em Paipa, a 2500 metros, e vamos avaliar. Desde 2017 que vimos treinando em altitude com resultados, por isso vamos continuar em períodos específicos", contou Hélio Lucas. Antes dos Jogos de Tóquio, Pimenta ainda poderá ir ao México, para outro período em altitude.