Paulo Gonçalves tem o Dakar em risco

Paulo Gonçalves tem o Dakar em risco
António Gonçalves Rodrigues

Tópicos

Sofreu luxação num ombro e rotura de ligamentos num joelho numa queda sofrida em treinos.

A menos de duas semanas do início do Dakar 2018, Paulo Gonçalves tem a participação em risco devido a uma queda sofrida, na semana passada, durante os treinos. O piloto de Esposende sofreu uma luxação num ombro e uma rotura de ligamentos num joelho quando treinava navegação, no Algarve.

Paulo Gonçalves tem sido visto por vários médicos, mas o escasso tempo que tem para recuperar deixa o piloto da Honda em dúvida para a prova da América do Sul que está prestes a começar. Se a lesão do joelho é mais fácil de controlar, com recurso a proteções especiais que ajudem a estabilizar a articulação, já a do ombro pode ser mais perigosa e colocar mesmo em risco a integridade física do piloto. Um impacto mais forte ou um movimento mais brusco (por exemplo, ao passar por cima de uma lomba ou buraco) poderá voltar a deslocá-lo. Se isso acontecer numa altura em que Paulo Gonçalves circule a uma velocidade maior, numa das pistas rápidas, poderá ter efeitos nefastos e originar mesmo uma queda. O piloto já esteve em Espanha com os responsáveis da Honda, que deixaram a decisão nas suas mãos, o que deverá acontecer dentro de dias.