Miguel Oliveira assinou por dois anos com a Aprilia, garantem em Itália

Miguel Oliveira assinou por dois anos com a Aprilia, garantem em Itália
Redação

Tópicos

De acordo com a "Sky Italia", o piloto português vai continuar a carreira na RNF, equipa satélite da Aprilia.

O futuro de Miguel Oliveira no MotoGP parece estar definido. De acordo com a "Sky Italia", o piloto português irá continuar a carreira na RNF, equipa satélite da Aprilia, pela qual terá assinado por dois anos.

A "Sky Italia", detentora dos direitos do MotoGP em solo italiano, informa ainda que Alex Rins irá mudar-se para a LCR, equipa satélite da Honda. Resta saber quem ficará com a segunda moto satélite da formação japonesa.

A confirmar-se estas mexidas, a Gresini Ducati continuará a ter, à partida, pelo menos um lugar para preencher em 2023. Neste momento o seu elenco é composto por Fabio Di Giannantonio e Enea Bastianini, sendo este último apontado à subida à formação principal, pelo que a sua vaga ficará por ocupar.