WTCR: Bjork vence corrida principal mas Yvan Muller sai de Vila Real na liderança

WTCR: Bjork vence corrida principal mas Yvan Muller sai de Vila Real na liderança

Na mais longa das três corridas do fim de semana, com 13 voltas ao circuito citadino de Vila Real, o sueco saiu da pole position e dominou até final, seguido de perto pelo italiano Gabriele Tarquini.

O piloto sueco Thed Bjork (Hyundai) venceu este domingo a terceira e principal corrida da Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR) de Vila Real, mas é o francês Yvan Muller quem sai de Portugal na frente do campeonato.

Na mais longa das três corridas do fim de semana, com 13 voltas ao circuito citadino de Vila Real, o sueco saiu da pole position e dominou até final, seguido de perto pelo italiano Gabriele Tarquini (Hyundai), num traçado que não facilita as ultrapassagens.

A entrada do "safety car" em três ocasiões serviu para reagrupar os pilotos, mas Thed Bjork manteve a liderança até ao fim e venceu com 3,193 segundos de vantagem sobre o italiano, e 3,640 sobre o húngaro Norbert Micheliz, que fechou um pódio dominado pelos Hyundai.

Yvan Muller (Hyundai) terminou em 10.º, mas acabou por ser o grande vencedor do fim de semana, depois da vitória na primeira corrida e do segundo lugar na seguinte, somando os pontos necessários para assumir a liderança do WTCR

O francês ultrapassou na geral o seu sobrinho, Yann Erhlacher (Honda), que chegou a Vila Real no comando do WTCR, mas foi um dos pilotos acidentados durante a corrida de sábado, não tendo somado qualquer ponto.

Quanto aos portugueses, Edgar Florindo (Cupra) foi 12.º, José Rodrigues terminou na 15.º posição, a uma volta do vencedor.

Após a passagem por Vila Real, quinta das 10 etapas do WTCR, Yvan Muller lidera com 182 pontos, com Yann Erhlacher e Gabriele Tarquini a repartirem a segunda posição com 160.

O WTCR segue agora para a Eslováquia, entre 13 e 15 de julho.