Michael Masi substitui Charlie Whiting como diretor de corrida do GP da Austrália

Michael Masi substitui Charlie Whiting como diretor de corrida do GP da Austrália

Charlie Whiting faleceu esta quinta-feira, vítima de embolia pulmonar.

A Federação Internacional do Automóvel (FIA) anunciou que Michael Masi vai ser o diretor de corrida no Grande Prémio da Austrália de Fórmula 1, substituindo Charlie Whiting, que morreu esta quinta-feia vítima de uma embolia pulmonar.

Masi, que assumia vários cargos em competições automobilísticas na Austrália, é o diretor de corrida no campeonato australiano V8 Supercars Dunlop Series.

Whiting, de 66 anos, morreu vítima de embolia pulmonar. Contava mais de 20 anos como diretor de corrida da Fórmula 1.