Miguel Oliveira satisfeito com a recuperação no GP de Inglaterra: "A corrida foi difícil de ler..."

Miguel Oliveira

 foto AFP

Miguel Oliveira admite que ser "sexto dá confiança" para próxima prova do MotoGP. A próxima ronda é o GP da Áustria, em 21 de agosto.

Miguel Oliveira (KTM), que hje foi sexto no Grande Prémio de Inglaterra de MotoGP, considerou que o resultado "dá confiança" para enfrentar a próxima ronda do Mundial.

"Foi uma boa corrida. Um fim de semana excelente em que mostrámos bastante rapidez e um bom ritmo em todas as sessões", começou por dizer o piloto natural de Almada, em declarações difundidas pela sua assessoria de imprensa.

Miguel Oliveira considerou que "a corrida foi difícil de ler porque havia pilotos muito rápidos no início mas que, no final, mostraram muita falta de ritmo".

"Eu mantive-me sempre bastante constante. Não tinha muita aderência no início da corrida para conseguir ultrapassar. Por isso, tive de ser um bocadinho paciente e esperar pelo fim para poder atacar mais", frisou o piloto da KTM.

Oliveira considerou ainda que "terminar em sexto dá bastante confiança" para enfrentar a próxima ronda, na Áustria, naquele que será "o GP caseiro da marca" que representa, a KTM.

A prova, em Silverstone, foi ganha pelo italiano Francesco Bagnaia (Ducati).

Após 12 provas disputadas, Miguel Oliveira é 10.º classificado no Mundial, com 81 pontos.

A próxima ronda é o GP da Áustria, em 21 de agosto.