Miguel Oliveira, quinto no GP do Japão: "O Brad Binder fez um 'corridaço'"

Miguel Oliveira atrás de Brand Binder

 foto AFP

Miguel Oliveira concluiu as 24 voltas a 8,185 segundos do vencedor, o australiano Jack Miller

Miguel Oliveira (KTM) terminou na quinta posição o Grande Prémio do Japão de MotoGP, 16.ª de 20 rondas do Campeonato do Mundo de Velocidade em motociclismo, garantindo o segundo melhor resultado da época.

O piloto natural de Almada concluiu as 24 voltas a 8,185 segundos do vencedor, o australiano Jack Miller (Ducati), que deixou em segundo o sul-africano Brad Binder (KTM), a 3,409 segundos, e o espanhol Jorge Martin (Ducati) em terceiro, a 4,136.

Horas depois da corrida, recorrendo às redes sociais, Miguel Oliveira fez um curto resumo da prova japonesa. "Quinto lugar na corrida de hoje. Faltou alguma consistência, mas depois de dois grandes prémios difíceis conseguimos estar de volta ao top 5. Parabéns ao Brad que fez um corridaço ✊ ! Vemo-nos na Tailândia", referiu,.

O francês Fabio Quartararo (Yamaha), que foi oitavo, aumentou a vantagem no campeonato, soma agora 219 pontos, mais 18 do que o italiano Francesco Bagnaia (Ducati), que caiu na última volta.