Álvaro Parente terceiro em prova de GT na América, mas despede-se do título

Álvaro Parente terceiro em prova de GT na América, mas despede-se do título

O piloto luso terminou a 10,872 segundos do vencedor.

O português Álvaro Parente (Bentley) terminou no terceiro lugar a segunda de duas corridas disputadas este fim de semana no circuito Road to America, pontuável para o Blancpain GT World Challenge America.

O piloto luso, que faz equipa com o espanhol Andy Soucek no Bentley Continental GT3 da K-PAX Racing, terminou a 10,872 segundos do vencedor, Mike Hedlung (Acura), após 41 voltas.

Parente, que era segundo classificado do campeonato antes desta jornada dupla, ficou sem grandes possibilidades de discutir o título quando foi forçado a abandonar a duas voltas do final da primeira corrida, devido à falta de gasolina.

"Vencer era quase impossível, dado que o Ferrari estava muito forte, mas o segundo lugar estava ao nosso alcance e, sem problemas, seria esse o nosso resultado. Desde cedo que fui informado pela equipa que não tínhamos gasolina para terminar a corrida e tivemos de gerir muito bem o consumo. Mas acabou por não chegar. É frustrante, mas as corridas são assim", afirmou o português.

Las Vegas acolhe a derradeira jornada, em 20 de outubro.